Como evitar doenças na produção de morangos

No sistema de produção de morangos, o controle de pragas e doenças é de fundamental importância para garantir não só a sanidade e a produtividade da cultura como o investimento realizado. Este controle pode ser realizado em diversas etapas da produção, sendo etapas dependentes. O cultivo protegido é uma alternativa bastante viável pois contém uma barreira física que dificulta a entrada de algumas doenças e de seus vetores.

No sistema de produção de morangos, o controle de pragas e doenças é de fundamental importância para garantir não só a sanidade e a produtividade da cultura como o investimento realizado. Este controle pode ser realizado em diversas etapas da produção, sendo etapas dependentes. O cultivo protegido é uma alternativa bastante viável pois contém uma barreira física que dificulta a entrada de algumas doenças e de seus vetores.

A primeira etapa a ser levada em consideração é a aquisição das mudas, estas devem ser adquiridas de forma segura e de preferência em locais conhecidos e confiáveis; a compra de mudas doentes pode causar não só um dano à produtividade do lote em questão,mas também pode espalhar a doença para as outras que estiverem em outras fases de produção.

A segunda etapa é a qualidade da água que será utilizada para a irrigação ou para solução nutritiva (usada em sistemas hidropônicos e semi-hidropônicos), o produtor deve garantir que a água preencha os requisitos de sanidade para que não contamine toda a produção.

A terceira etapa é o cuidado no uso das ferramentas durante os tratos culturais, é importante realizar a esterilização das ferramentas durante todo o processo (usando altas temperaturas ou até mesmo alguns produtos químicos como o hipoclorito de sódio), pois mesmo que a planta não aparente alguma doença ela pode conter esta e por meio da ferramenta ser espalhada para o resto da produção. Além das ferramentas, é fundamental a lavagem das mãos regularmente com água corrente e sabão.

A quarta etapa é o uso de equipamentos de proteção individual (EPI), que além de proteger o trabalhador também auxilia no controle de pragas e doenças, mas para que cumpra essa função deve ser usado de forma adequada, mantendo sempre limpo ou fazendo a troca como no caso das luvas.

Se interessa por produção de morango? Leia também

Como a estação do ano pode afetar a produtividade de morango?

ou

Problemas enfrentados pelos produtores de morango do Estado de São Paulo

Escrito por Marcela Passucci Fernandes