Viabilidade Econômica

Inicialmente precisamos entender do que se trata o projeto de Viabilidade Econômica que a ESALQ Júnior Consultoria realiza.

O Estudo de Viabilidade Econômica ajuda o requerente do mesmo a tomar decisões estratégicas que podem ter profundo impacto na saúde financeira do indivíduo.

O Projeto consiste na elaboração de indicadores que traduzem em termos mais palpáveis a realidade de um investimento. Conta com quatro macro etapas:

  1. Captação de Dados Relativos ao Assunto
  2. Tabelas e Planilhas
  3. Fluxo de Caixa
  4. Indicadores de Mercado e Resumo Executivo

Dentro da Captação de Dados Relativos ao Assunto, são levantados todos os pontos críticos sobre o assunto, elencando os desafios encontrados na realização do investimento. Exemplos práticos disso seriam os casos de estudos voltados para a pecuária, especificamente a parte de engorda de bovinos, a escolha da melhor raça de bovinos para engorda e todas as suas peculiaridades, retratadas através de custos e receitas específicas.

Logo em seguida são elaboradas Tabelas e Planilhas que dão suporte a obtenção dos ditos indicadores econômicos, os quais serão tratados mais adiante. Nestas planilhas são elencadas todas as receitas e custos de forma didática e metodológica, abrangendo todas as fases do projeto. Exemplo disso seria a divisão dos custos em anos para culturas como uva, que apresenta custos e receitas diferenciados ao longo seu tempo de produção.

É na etapa seguinte em que inicia-se a elaboração de um Fluxo de Caixa, que tem como objetivo demonstrar qual será o lucro líquido do investimento a ser realizado. É no fluxo de caixa que se obtém os indicadores de mercado. Diferentes tipos de fluxo são elaborados, baseados nos resultados obtidos com as tabelas confeccionadas na etapa anterior.

A última etapa presente no estudo de viabilidade econômica trata-se da obtenção dos Indicadores de Mercado, que são:

  1. TIR : Taxa interna de Retorno
  2. Payback Descontado :Tempo de retorno do investimento descontando a inflação
  3. ROI : Retorno sobre o investimento

Também na última etapa é elaborado um Resumo Executivo do projeto, indicando se o mesmo é viável ou não, fornecendo insumos para a tomada de decisão do cliente.

Confira nossos Conteúdos do Blog EJC

Fluxo de Caixa

  • Coleta e Aquisição de dados;
  • Organização dos dados;
  • Criação da planilha que contém a opção de investimento e o período de produção.

Indicadores Econômicos

  • TIR (Taxa Interna de Retorno) e TIRm (Modificada);
  • VPL (Valor Presente Líquido);
  • Payback.

Análise de Custos e Investimentos

  • Compilação de dados e informações necessárias ao investimento;
  • Análise comparativa do investimento a ser aplicado em outra situação (Por exemplo o Tesouro Nacional).

Análise de Receitas e Dividendos

  • Obtenção das receitas ao longo do tempo de produção;
  • Obtenção dos dividendos ao longo do tempo de produção.